Calcior-D

Para que serve Calcior-D

Recomendações
Recorde-se que antes de tomar este medicamento deverá consultar o seu médico, a informação que lhe disponibilizamos é meramente orientativa e não substitui em nenhuma ocasião a consulta de um médico ou qualquer profissional de saúde.

LEMBRE-SE, NUNCA use esta informação para automedicar-se. A consulta de um médico é imprescindível.


APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED FOLHETO INFORMATIVO

INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
Carbonato de cálcio + Colecalciferol

Leia atentamente este folheto antes de tomar este medicamento:
- Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
- Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
- Este medicamento foi receitado para si. Não deve dá-lo a outros; o medicamento pode
ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sintomas.
- Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários
não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.

Neste folheto:
1. O que é Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar e para que é
utilizado
2. Antes de tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
3. Como tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
6. Outras informações


1. O que é Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar e para que é
utilizado

Este medicamento contém duas substâncias activas, o cálcio e a vitamina D 3 . O cálcio é constituinte importante do osso e a vitamina D 3 ajuda a absorção do cálcio no intestino e a sua deposição nos ossos.

É utilizado:
- na correcção de deficiências de vitamina D e cálcio nos idosos
- em combinação com tratamento para a osteoporose quando os níveis de vitamina D e
cálcio estão muito baixos ou quando existe um risco elevado de se tornarem muito
baixos.


2. Antes de tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar

Não tome Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
se tem alergia (hipersensibilidade) ao cálcio, vitamina D ou a qualquer outro componente
de Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar (ver secção 6)
se tem um nível elevado anormal de cálcio no sangue (hipercalcémia) e/ou perda
excessiva de cálcio na urina (hipercalciúria) APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED se te uma doença que pode levar a hipercalcémia e/ou hipercalciúria (por exemplo,
hipercatividade das glândulas paratiroideias, uma doença da medula óssea (mieloma), um
tumor maligno nos ossos (metástases ósseas).
Se sofrer de insuficiência renal se sofrer de pedras nos rins (litíase de cálcio) ou tiver
depósitos de cálcio nos rins (nefrocalcinose) se sofrer de fornecimento excessivo de
vitamina D (hipervitaminose)

Tome especial cuidado com Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar
No caso de tratamento prolongado com Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para
mastigar devem ser monitorizadas regularmente a quantidade de cálcio no sangue e a
creatinina sérica para avaliar a função renal.

Esta monitorização é particularmente importante no idoso e quando o medicamento é
tomado ao mesmo tempo que glicosidos cardíacos (exemplo, digoxina) e diuréticos.

Dependendo do resultado, o seu médico pode decidir reduzir ou mesmo parar o
tratamento. Mas a terapêutica deve ser reduzida ou interrompida se o nível de cálcio na
urina for superior a 7,5 mmol/24h (300 mg/24 h).

Tomar em consideração o consumo de vitamina D, cálcio e bases como o carbonato
provenientes de todas as outras fontes (exemplos, suplementos alimentares ou comida)
antes de tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar. Como estes
produtos contêm vitamina D e carbonato de cálcio, a administração adicional de Calcior-
D pode originar uma doença chamada Sindroma de Burnett. O Sindroma de Burnett
(sindroma lácteo-alcalino) é uma doença do metabolismo do cálcio com um aumento do
cálcio no sangue. Pode ser causado por ingestão excessiva de leite, e/ou carbonato de
cálcio proveniente de outras fontes ou uso excessivo de anti-ácidos. Este facto pode levar
a efeitos secundários como descrito na secção 4. Uma administração adicional de
Calcior-D deve ser realizada sob vigilância médica rigorosa com monitorização regular
do conteúdo de cálcio no sangue (calcémia) e urina (calciúria).

Antes de tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar avise o seu
médico
Se tiver tido pedras nos rins.
Se sofrer de uma doença imunitária (sarcoidose), uma vez que a quantidade de cálcio no
sangue e na urina deve ser verificado.
Se estiver imobilizado e sofrer de redução da massa óssea (osteoporose). Pode levar ao
aumento de cálcio no sangue tal que pode causar efeitos secundários.
Se estiver a tomar outros medicamentos contendo vitamina D3 ou cálcio. Isto pode
aumentar o nível de cálcio no sangue de modo tal que pode causar efeitos secundários.
Se tiver diminuição da função renal.

Ao tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar com outros
medicamentos
APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente
outros medicamentos, incluindo medicamentos obtidos sem receita médica.

Em particular,

- Diuréticos tiazídicos (medicamento utilizados para tratar a hipertensão arterial), uma
vez que podem aumentar a quantidade de cálcio no seu sangue.
- Esteróides orais, uma vez que podem reduzir a quantidade de cálcio no seu sangue.
- Orlistat (um medicamento usado para tratar a obesidade), colestiramina, laxantes como
a parafina líquida, uma vez que podem reduzir a quantidade de vitamina D3 que absorve.
- Rifampicina (antibiótico), fenitoína (um medicamento para a epilepsia) e barbitúricos
(medicamentos que ajudam a dormir), uma vez que podem tornar a vitamina D3 menos
eficiente.
- Glicosidos cardíacos (medicamentos usados para tratar problemas cardíacos), que
podem causar mais efeitos secundários se estiver a tomar demasiado cálcio.
- Tetraciclinas (antibiótico), uma vez que a quantidade absorvida por ser diminuída.
Devem ser tomadas pelo menos 2 horas antes, ou 4-6 horas depois de tomar Calcior-D
1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar.
- Estramustina (um medicamento usado em quimioterapia), hormonas da tiróide ou
medicamentos contendo ferro, zinco ou estrôncio, uma vez que podem reduzir a
quantidade absorvida. Devem ser tomados pelo menos duas horas antes ou depois de
Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar.
- Bifosfonatos (um tratamento para problemas ósseos), fluoretos ou fluoroquinolonas (um
tipo de antibiótico), uma vez que pode diminuir a quantidade absorvida). Devem ser
tomados pelo menos 3 horas antes ou depois de Calcior-D 1500 mg+400 I.U.
Comprimidos para mastigar.

Ao tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para mastigar com alimentos e
bebidas

Nas duas horas antes de tomar Calcior-D 1500 mg + 400 U.I. Comprimidos para
mastigar, deve evitar a ingestão de alimentos contendo ácido oxálico (exemplos,
espinafres e ruibarbo) ou ácido fítico (exemplo, cereais integrais), que podem reduzir a
absorção de cálcio.

Gravidez e aleitamento

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de tomar qualquer medicamento.

Este medicamento pode ser utilizado durante a gravidez, no entanto, a ingestão diária não
deve exceder 1500 mg de cálcio e 600 U.I. de vitamina D. assim, se estiver grávida, a
dose diária de Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar não deve
exceder um comprimido por dia. Quantidades superiores podem ter um efeito negativo no
feto.
APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED Durante o aleitamento pode utilizar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para
mastigar. Uma vez que o cálcio e a vitamina D 3 passam para o leite materno deve consultar primeiro o seu médico se o seu filho estiver a tomar outros produtos contendo
vitamina D 3 .
Em mulheres grávidas e a amamentar deve tomar o Calcior-D 1500 mg+400 I.U.
Comprimidos para mastigar com um intervalo de duas horas em relação às refeições,
porque pode ocorrer uma diminuição da absorção de ferro.

Condução de veículos e utilização de máquinas

Não são esperados efeitos na capacidade de conduzir ou utilizar máquinas.

Informação importante sobre alguns componentes de Calcior-D 1500 mg+400 I.U.
Comprimidos para mastigar

Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar contém sacarose. Se foi
informado pelo seu médico que tem intolerância a açúcares, contacte-o antes de tomar
este medicamento.

A informação seguinte pode ser útil se sofrer de diabetes: o conteúdo de hidratos de
carbono digeríveis em Calcior-D 1500 mg+400 I.U. é 0,47 g por comprimidos para
mastigar.
Com uma dose diária de 2 comprimidos para mastigar isto corresponde a 0,08 unidades
de pão.


3. Como tomar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar

A seguinte informação aplica-se a Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para
mastigar salvo se prescrito pelo seu médico. Considere estas instruções, caso contrário,
não irá beneficiar totalmente de Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para
mastigar.

Dosagem
A dose habitual é 1 comprimido duas vezes por dias para adultos e idosos (exemplo, um
de manhã e um à noite). Mulheres grávidas devem tomar apenas um comprimido por dia.
O tratamento de longo prazo requer monitorização dos níveis de cálcio no sangue e na
urina, sendo especialmente importante se tiver tendência para desenvolver pedras nos
rins.

Método de Administração
Os comprimidos podem ser mastigados e depois engolidos com a ajuda de um pouco de
líquido. Em casos excepcionais (exemplo, doentes com deficiência) os comprimidos
podem, após falar com o médico, ser chupados.
APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED Duração do tratamento
O seu médico decidirá a duração do tratamento com Calcior-D 1500 mg+400 I.U.
Comprimidos para mastigar.

Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar não se destina ser utilizado em
crianças e adolescentes.

Se tomar mais Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar do que deveria

Se tiver tomado mais Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar do que
deveria e sentir algum dos sintomas de sobredosagem, páre de tomar Calcior-D 1500
mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar e contacte imediatamente o seu médico. Os
sintomas de sobredosagem incluem: desidratação, anorexia, sede excessiva, náuseas,
vómitos, obstipação, dor abdominal, fraqueza muscular, fadiga, problemas de saúde
mental, aumento do débito urinário, dores nos ossos e pedras nos rins.
Em casos de sobredosagem crónica, podem aparecer depósitos de cálcio nos vasos
sanguíneos ou tecidos do organismo.

Em caso de sobredosagem grave pode ocorre paragem cardíaca.

Caso se tenha esquecido de tomar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para
mastigar

Não tome uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de tomar.

Se parar de tomar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar

Se deseja interromper ou descontinuar prematuramente o tratamento, por favor consulte o
seu médico.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico
ou farmacêutico.


Efeitos secundários possíveis

Como todos os medicamentos, Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar
pode causar efeitos secundários, no entanto estes não se manifestam em todas as pessoas.

Alguns efeitos secundários raros e muito raros podem ser graves.

Efeitos secundários pouco frequentes (ocorrem em menos que 1 em 100 mas em mais que
1 em 1.000 doentes)
Aumento das concentrações sanguíneas de cálcio (hipercalcémia) e/ou na excreção de
cálcio na urina (hipercalciúria).
APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED Efeitos secundários raros (ocorrem em menos que 1 em 1.000 mas em mais que 1 em
10.000 doentes)
Náuseas, dor abdominal, flatulência, inchaço, distensão abdominal, obstipação ou
diarreia; prurido, erupções cutâneas, urticária, comichão, vermelhidão e sensação de
queimadura da pele.

Desconhecidos (não pode ser calculado a partir dos dados disponíveis)
Reacções alérgicas graves (hipersensibilidade), tais como inchaço da face, lábios, língua
ou garganta; vómitos.

Se algum dos efeitos secundários se agravar, pare de tomar este medicamento e contacte
imediatamente o seu médico. Se detectar quaisquer efeitos secundários não mencionados
neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.


5. Como conservar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar

Manter fora do alcance e da vista das crianças.

Não utilizar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar após o prazo de
validade impresso na embalagem exterior e no blister.

Não conservar Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar acima de 25°C.

Os medicamentos não devem ser eliminados na canalização ou no lixo doméstico.
Pergunte ao seu farmacêutico como eliminar os medicamentos de que já não necessita.
Estas medidas irão ajudar a proteger o ambiente.


Outras informações

Qual a composição de Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar

As substâncias activas são: 1500 mg de carbonato de cálcio equivalente a 600 mg de cálcio elementar 4 mg de colecalciferol concentrado (sob a forma de pó) equivalente a 10 µg de vitamina D 3 (400 U.I.)
Os outros componentes são: xilitol, d-manitol, estearato de magnésio, sílica coloidal anidra, amido de milho pré-gelificado, butil-hidroxitolueno (E321), triglicéridos de cadeia média, sacarose, gelatina, amido de milho modificado, alumino-silicato de sódio, agentes aromatizantes (Tutti frutti 77919-31 Givaudan). APROVADO EM 25-11-2010 INFARMED Qual o aspecto Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar e conteúdo da
embalagem

Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar é um medicamento sob a forma
de comprimidos para mastigar, os comprimidos são brancos, de forma biplana com uma
ranhura e as letras C/D impressas no comprimido.

Calcior-D 1500 mg+400 I.U. Comprimidos para mastigar está disponível na forma de
blisters de PVC/PVDC/Alumínio cada um contendo 10 comprimidos para mastigar.

As dimensões de embalagem disponíveis contêm 20, 30, 50, 60, 100 e 300 comprimidos
para mastigar.
É possível que não sejam comercializadas todas as apresentações.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado

Laboratórios Delta, Lda.
Rua Direita de Massamá, 148
2745-751 Massamá

Fabricante

Opfermann Arzneimittel GmbH
Robert-Koch-Straße 2
51674 Wiehl
Alemanha

Este medicamento encontra-se autorizado nos Estados Membros do Espaço Económico
Europeu (EEE) sob as seguintes denominações:

Alemanha CALCIGEN D 600 mg/400 I. U. chewable tablets França Metocalcium 600 mg/400 I. U. Grécia Calvidin 600 mg/400 I. U. Irlanda Calvidin 600 mg/400 I. U. chewable tablets Itália Metocal Vitamina D3 600 mg/400 I. U.
Este folheto informativo foi aprovado pela última vez em


DEFINIÇÕES MÉDICAS
  1. Glândula: Estrutura do organismo especializada na produção de substâncias que podem ser lançadas na corrente sangüínea (glândulas endócrinas) ou em uma superfície mucosa ou cutânea (glândulas exócrinas). A saliva, o suor, o muco, são exemplos de produtos de glândulas exócrinas. Os hormônios da tireóide, a insulina e os estrógenos são de secreção endócrina.
  2. Obesidade: Acúmulo excessivo de gordura corporal, acompanhada por peso excessivo. Esta doença está cada vez mais freqüente, e é produzida pela ingestão desproporcional de calorias em pessoas que não têm uma atividade física que justifique este consumo.
  3. Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
  4. Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
  5. Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.

Síguenos

X