Dagesil

Para que serve Dagesil

Recomendações
Recorde-se que antes de tomar este medicamento deverá consultar o seu médico, a informação que lhe disponibilizamos é meramente orientativa e não substitui em nenhuma ocasião a consulta de um médico ou qualquer profissional de saúde.

LEMBRE-SE, NUNCA use esta informação para automedicar-se. A consulta de um médico é imprescindível.


Folheto Informativo: Informação para o utilizador


Dagesil 10 mg/g, Gel
Diclofenac



Este folheto contém informações importantes para si. Leia-o atentamente.
Este medicamento pode ser adquirido sem receita médica. No entanto, é necessário
utilizar Dagesil com precaução para obter os devidos resultados.
• Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o reler.
• Caso precise de esclarecimentos ou conselhos consulte o seu farmacêutico.
• Em caso de agravamento ou não melhoria do estado de saúde, consulte o seu médico.
• Se algum dos efeitos secundários se agravar ou se detectar quaisquer efeitos secundários
não mencionados neste folheto, informe o seu médico ou farmacêutico.


Neste Folheto:

1. O que é Dagesil e para que é utilizado
2. Antes de utilizar Dagesil
3. Como utilizar Dagesil
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Dagesil
6. Outras informações


O que é Dagesil e para que é utilizado

Classificação Farmacoterapêutica:
9.1.10 – Aparelho locomotor. Anti-inflamatórios não esteróides. Anti-inflamatórios não
esteróides para uso tópico.
Código

ATC

M02AA15 diclofenac

Dagesil é um gel que contém diclofenac doseado a 10 mg/g.
O diclofenac é um derivado do ácido fenilacético. Leva à inibição da actividade da
cicloxigenase, o que leva, por sua vez, à inibição da síntese das prostaglandinas e outros
mediadores da inflamação.
O diclofenac actua como agente anti-inflamatório e analgésico no tratamento de:
- dores musculares ligeiras a moderadas
- contusões
- dores pós traumáticas.


2. Antes de utilizar Dagesil
Não utilize Dagesil:

- se tem hipersensibilidade (alergia) ao diclofenac ou a qualquer dos outros componentes
do medicamento;
- se tem hipersensibilidade ao ácido acetilsalicílico ou a outros anti-inflamatórios não
esteróides, que pode surgir sob a forma de asma, urticária ou outras reacções alérgicas.



Antes de aplicar Dagesil:


É importante que saiba que a ocorrência de efeitos indesejáveis sistémicos com a
utilização tópica de diclofenac é baixa quando comparada com a frequência de efeitos
indesejáveis com a utilização de diclofenac por via oral.
Na medida em que existe a possibilidade de absorção cutânea de Dagesil, não é possível
excluir a ocorrência de efeitos sistémicos. O risco de ocorrência destes efeitos depende,
entre outros factores, da superfície exposta, quantidade aplicada e tempo de exposição.
Segurança Cutânea dos

AINE

Têm sido muito raramente notificadas reacções cutâneas
graves, algumas das quais fatais, incluindo dermatite esfoliativa, síndroma de Stevens-
Johnson e necrólise epidérmica tóxica, associadas à administração de AINE.
Aparentemente o risco de ocorrência destas reacções é maior no início do tratamento,
sendo que na maioria dos casos estas reacções se manifestam durante o primeiro mês de
tratamento. Dagesil deve ser interrompido aos primeiros sinais de rash, lesões mucosas,
ou outras manifestações de hipersensibilidade.

Dagesil apenas pode ser aplicado na pele sã (não aplicar em feridas abertas). Dagesil não
pode entrar em contacto com tecido conjuntivo ou mucosas. Não pode ingerir-se.
A área tratada com Dagesil, não deve ser exposta à luz solar.
Dagesil deve ser usado com precaução em doentes com história de asma e úlcera péptica.

Dagesil destina-se a adultos e adolescentes.


Utilizar Dagesil com outros medicamentos

Informe sempre o seu médico de todos os medicamentos que está a tomar ou que tomou
recentemente, mesmo aqueles que adquiriu sem receita médica.

Diuréticos, Inibidores da Enzima de Conversão da Angiotensina (IECA) e Antagonistas
da Angiotensina

II (AAII)

Os anti-inflamatórios não esteróides (AINE) podem diminuir
a eficácia dos diuréticos assim como de outros medicamentos anti-hipertensores. Nalguns
doentes com função renal diminuída (ex.: doentes desidratados ou idosos com
comprometimento da função renal) a co-administração de um IECA ou AAII e agentes
inibidores da ciclooxigenase pode ter como consequência a progressão da deterioração da função renal, incluindo a possibilidade de insuficiência renal aguda, que é normalmente
reversível. A ocorrência destas interacções deverá ser tida em consideração em doentes a
fazer a aplicação de diclofenac, sobretudo se for em zonas extensas da pele e por tempo
prolongado, em associação com IECA ou AAII. Consequentemente, esta associação
medicamentosa deverá ser utilizada com precaução, sobretudo em doentes idosos. Os
doentes devem ser adequadamente hidratados e deverá ser analisada a necessidade de
monitorizar a função renal após o início da terapêutica concomitante, e periodicamente
desde então.

Utilizar Dagesil com alimentos e bebidas

Não existem interacções conhecidas de Dagesil com alimentos e/ou bebidas.


Ggravidez e aleitamento

Consulte o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar qualquer medicamento.

Uma vez que o diclofenac pode ser absorvido através de administração tópica e uma vez
que não existem dados suficientes da administração de diclofenac em mulheres grávidas,
não se recomenda a sua administração durante a gravidez.

O diclofenac é excretado no leite de mulheres a amamentar. Não se recomenda a
utilização de diclofenac durante a amamentação.


Condução de veículos e utilização de máquinas

Dagesil não altera a capacidade de conduzir veículos ou de utilizar máquinas.


Informações importantes sobre alguns componentes de Dagesil

Dagesil contém na sua constituição propilparabeno (E216) e metilparabeno (E218), que
podem provocar reacções alérgicas, ainda que retardadas.
Contém ainda propilenoglicol que, durante a sua utilização tópica pode causar irritação.


Como utilizar Dagesil

Adultos: Aplicar camadas finas de Dagesil na área afectada, 3 a 4 vezes por dia de acordo
com a necessidade da situação (quantidade do tamanho de uma cereja ou de uma noz) e
esfregar suavemente.
A duração do tratamento depende das indicações e da resposta ao tratamento.
Recomenda-se que o tratamento seja avaliado duas semanas após o seu início. Crianças: Dagesil não é recomendado para crianças com idade inferior a 12 anos, pois
não há estudos que estabeleçam a segurança e eficácia neste grupo de pacientes.
Doentes insuficientes hepáticos: Não é necessário ajuste da posologia nestes doentes.
Doentes insuficientes renais: Dagesil está contra-indicado neste grupo de pacientes.
Após aplicação devem lavar-se as mãos, excepto quando são estas que estão sob
tratamento.
Dagesil pode ser utilizado como tratamento adicional à administração oral de anti-
inflamatórios não esteróides.


Se utilizar mais Dagesil do que deveria

O diclofenac é muito pouco absorvido para a circulação sistémica, assim, a sobredosagem
com a utilização tópica é pouco provável.


Caso se tenha esquecido de utilizar Dagesil

Não aplique uma dose dupla para compensar a dose esquecida.



Efeitos secundários possíveis

Como todos os medicamentos Dagesil pode causar efeitos secundários, apesar de não se
manifestarem em todos.

Dagesil é bem tolerado. Muito raramente pode causar efeitos secundários como prurido,
rubor, eritema ou erupções cutâneas locais ou sistémicas, como: dermatite de contacto
(rash, edema ou pápulas), dermatite bulhosa, urticária e angioedema. Reacções bolhosas
incluindo síndroma de Stevens-Johnson e necrólise epidérmica toxica (muito raro).

Apenas em casos isolados se detectou fotossensibilidade. A utilização prolongada de
Dagesil numa área relativamente extensa pode causar efeitos indesejáveis sistémicos
como náuseas, vómitos, diarreia ou dor epigástrica.

Se algum dos efeitos secundários se tornar grave ou se notar algum efeito secundário que
não esteja mencionado neste folheto informativo, por favor comunique ao seu médico ou
farmacêutico.


Como conservar Dagesil

Mantenha este medicamento fora do alcance e da vista das crianças.
Não utilize se tiver expirado o prazo de validade inscrito na embalagem.
Guardar na embalagem fechada. Não guardar acima de 25ºC.

Não usar se notar alguns efeitos visíveis de deterioração do medicamento.

Os medicamentos não devem ser deitados fora juntamente com o restante lixo doméstico.
Informe-se junto do seu farmacêutico como deitar fora medicamentos que não vai voltar
a usar. Estas medidas ajudam a proteger o ambiente.


Outras informações Qual a composição de Dagesil:

A substância activa é: diclofenac de sódio
Os outros componentes são: hidróxido de sódio, hidroxietilcelulose, carbómero,
propilenoglicol, triglicéridos de cadeia média, propilparabeno (E216), metilparabeno
(E218) e água purificada.

Dagesil encontra-se em embalagens com 1 bisnaga de 100 g de gel para uso cutâneo.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Laboratórios Basi - Indústria Farmacêutica, S.A.
Rua do Padrão, 98
3000-312 Coimbra

Herbacos bofarma s.r.o.
Strossova, 239, 53003 Pardubice
República Checa

Este folheto foi aprovado pela última vez em




DEFINIÇÕES MÉDICAS
  1. Dermatite: Inflamação das camadas superficiais da pele, que pode apresentar-se de formas variadas (dermatite seborreica, dermatite de contato...) e é produzida pela agressão direta de microorganismos, substância tóxica ou por uma resposta imunológica inadequada (alergias, doenças auto-imunes).
  2. Edema: Acúmulo anormal de líquido nos espaços intercelulares dos tecidos ou em diferentes cavidades corporais (peritôneo, pleura, articulações, etc.).
  3. Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
  4. Pápula: Uma pequena lesão endurecida, elevada, da pele.
  5. Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc.
  6. Rash: Coloração avermelhada da pele como conseqüência de uma reação alérgica ou infecção.
  7. Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
  8. Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.

Síguenos

X