Fasigyn

Para que serve Fasigyn

Recomendações
Recorde-se que antes de tomar este medicamento deverá consultar o seu médico, a informação que lhe disponibilizamos é meramente orientativa e não substitui em nenhuma ocasião a consulta de um médico ou qualquer profissional de saúde.

LEMBRE-SE, NUNCA use esta informação para automedicar-se. A consulta de um médico é imprescindível.


FOLHETO INFORMATIVO

INFORMAÇÃO PARA O UTILIZADOR

Fasigyn 500 mg comprimidos revestidos por películaTinidazolLeia com atenção todo este folheto antes de começar a tomar este medicamento pois contéminformação importante para si.Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.Este medicamento foi receitado apenas para si. Não deve dá-lo a outros. O medicamento podeser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sinais de doença.Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicadosneste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico.O que contém este folheto:1. O que é Fasigyn e para que é utilizado2. O que precisa de saber antes de tomar Fasigyn3. Como tomar Fasigyn4. Efeitos secundários possíveis5. Como conservar Fasigyn6. Conteúdo da embalagem e outras informações1. O que é Fasigyn e para que é utilizadoFasigyn atua contra protozoários (microrganismos de uma só célula) e bactérias anaeróbias(bactérias que não necessitam de oxigénio para viver), por penetração na célula dosmicrorganismos e subsequente lesão da cadeia do DNA ou inibição da sua síntese.Fasigyn está indicado no tratamento de infeções gerais ou localizadas provocadas por certosprotozoários (amebas, tricomonas, giardias, etc.) e bactérias anaeróbias. Estas infeções podemenvolver todo o organismo ou apenas certos orgãos (por ex.: intestinos, órgãos genitais,bexiga, gengivas, etc.), podendo estender-se ao abdómen, aparelho respiratório, sistemalocomotor e sangue.Fasigyn também está indicado na prevenção das infeções pós-operatórias em certos tipos decirurgia (especialmente cirurgia gastrointestinal e ginecológica).2. O que precisa de saber antes de tomar Fasigyn

Não tome Fasigyn- se tem alergia ao tinidazol, a qualquer outro derivado do 5-nitroimidazol ou a qualqueroutro componente deste medicamento (indicados na secção 6).;- no primeiro trimestre de gravidez e enquanto estiver a amamentar;- se sofre de distúrbios neurológicos orgânicos;- se sofre, ou sofreu, de discrasia sanguínea (doenças do sangue).Advertências e precauçõesFale com o seu médico ou farmacêutico antes de tomar Fasigyn.

À semelhança do que acontece com compostos quimicamente relacionados, não deve ingerirbebidas alcoólicas durante o tratamento com Fasigyn e até, pelo menos, 72 horas após o seutérmino, devido à possibilidade de ocorrência de reações semelhantes às observadas com aadministração de dissulfiram (vermelhidão, cólicas abdominais, vómitos eaumento dobatimento cardíaco).Em caso de aparecimento de quaisquer sinais neurológicos anómalos (tonturas, vertigens,etc), durante o tratamento com Fasigyn, consulte imediatamente o seu médico.Outros medicamentos e Fasigyn

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar ou tiver tomado recentemente, ou sevier a tomar outros medicamentos.Informe o seu médico se estiver a tomar anticoagulantes orais (para diluir o sangue).Fasigyn com alimentos, bebidas ou álcoolO álcool interage com o Fasigyn. Não deve ingerir bebidas alcoólicas, durante o tratamento, eaté ao final do 3º dia após a finalização do tratamento (ver secção " Advertências e precauções").Gravidez e amamentaçãoSe está grávida ou amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o seumédico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.Fasigyn está contraindicado durante o primeiro trimestre da gravidez. A sua utilização nosegundo e terceiro trimestres deve ser realizada apenas sob orientação médica.A mulher não deverá amamentar, pelo menos, durante 3 dias após ter terminado aadministração de tinidazol.Condução de veículos e utilização de máquinasO efeito do Fasigyn sobre estas capacidades não foi estudado.3. Como tomar FasigynTome este medicamento exatamente como indicado pelo seu médico. Fale com o seu médicoou farmacêutico se tiver dúvidas.Posologia UsualInfeções Bacterianas:Maioria das infeções: uma dose inicial de 2 g (4 comprimidos) no primeiro dia seguida dadose diária de 1 g (2 comprimidos) administrados de uma só vez ou em duas tomas de 500 mg(1 comprimidos), durante 5 a 6 dias.Infeção vaginal: uma dose de 2 g em toma única ou 2 g por dia, durante 2 dias consecutivos.Infeção das gengivas: uma dose de 2 g em toma única.Infeções por Protozoários:

Tricomoníase urogenital (infeção urinária e vaginal) e Giardíase (infeção vaginal):

Adultos: uma dose de 2 g em toma única.O seu médico poderá considerar necessário o tratamento simultâneo do cônjuge.

Crianças: uma dose única de 50-75 mg/kg de peso.O médico poderá considerar necessário repetir esta dose.Amebíase Intestinal

Adultos- Uma dose única diária de 2 g durante 2 a 3 dias.Pode haver necessidade de prolongar o tratamento até perfazer 6 dias.

Crianças: uma dose única diária de 50-60 mg/kg de peso, durante 3 dias.Envolvimento amebiano do figado (infeção hepática)Adultos: 1,5 a 2 g (3 a 4 comprimidos), durante 3 dias.Se necessário, o tratamento pode ser prolongado até totalizar 6 dias.Crianças: uma dose única diária de 50-60 mg/kg, durante cinco dias consecutivos.Pevenção de infeções pós-operatórias:Uma dose única de 2 g, cerca de 12 horas antes da intervenção cirúrgica.Utilização em crianças e adolescentesA utilização de Fasigyn em crianças com menos de 12 anos foi apenas estudada para assituações de infeção provocada por protozoários. Não existem recomendações sobre aposologia em situações de infeção provocada por bactérias anaeróbias ou para a prevenção deinfeções no pós-operatório.Cumpra estritamente as instruções do seu médico e não altere a dose prescrita, a menos queele lhe dê instruções nesse sentido.Modo e via de administração:O Fasigyn deve ser administrado por via oral, com o auxílio de água ou outra bebida nãoalcoólica. Os comprimidos não devem ser mastigados.Momento mais favorável à Administração:O Fasigyn deve ser tomado durante ou após as refeições, de preferência, sempre à mesmahora do dia.Duração média do tratamento:A duração do tratamento com Fasigyn varia de acordo com a situação a tratar. (Ver PosologiaUsual).Para que a infeção seja totalmente eliminada, deverá tomar o medicamento durante o períodototal definido pelo seu médico, mesmo que se sinta melhor após alguns dias. Se interromper otratamento antes da altura devida poderá correr o risco de ter uma nova infeção.Se tomar mais Fasigyn do que deveriaNão são conhecidos quaisquer casos de sobredosagem com o Fasigyn. No entanto, se,acidentalmente alguém, por exemplo uma criança, tomar de uma só vez demasiadoscomprimidos de Fasigyn deverá consultar imediatamente um médico ou dirigir-se à urgênciahospitalar mais próxima. Não é conhecido antídoto específico para o tratamento dasobredosagem com Fasigyn, dependendo o tratamento dos sintomas apresentados.

Caso se tenha esquecido de tomar FasigynDeveria ter tomado o medicamento ao almoço e esqueceu-se?

Pode tomá-lo antes ou após o jantar e deve continuar o resto do tratamento conforme estavaprevisto.Não fez a toma de um dia, e só se lembrou no dia seguinte?Não junte as duas tomas no mesmo dia. Continue o tratamento conforme previsto, masprolongando-o por mais um dia, para compensar a toma em atraso.Se se esqueceu de tomar Fasigyn por mais do que um dia, deverá consultar o seu médico.Se parar de tomar FasigynTem sido demonstrado que a toma de todas as doses, conforme prescrito pelo médico, podeaumentar consideravelmente a eficácia do medicamento.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico oufarmacêutico.4. Efeitos secundários possíveisComo todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários, emboraestes não se manifestem em todas as pessoas.Efeitos secundários frequentes (afetam 1 a 10 utilizadores em cada 100):-Diminuição do apetite-Dores de cabeça, alteração do paladar, tonturas-Vertigens-Diarreia, naúseas, vómitos, dor abdominal-Dermatite alérgica, comichão-Cansaço-Candidíase-Agitação e confusão-Palpitações

-Prisão de ventre-Hepatite-Edema facial e ao redor da órbita-Broncospasmo e edema na laringeFrequência desconhecida (não pode ser calculada a partir dos dados disponíveis)-Diminuição do número de leucócitos-Alergia (hipersensibilidade) ao medicamento-Descoordenação dos movimentos voluntários, convulsões, diminuição de diversas formas desensibilidade, sensação de formigueiro ou picadas não causadas por qualquer estímulo, dornas extremidades do corpo, distúrbios sensoriais-Tromboflebites, vermelhidão-Alteração da cor da língua, inflamação da língua, inflamação na mucosa da boca-Angioedema, urticária-Alteração da cor da urina-FebreSe tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não indicadosneste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico.

5. Como conservar FasigynConservar a temperatura inferior a 25ºC.Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem exterior, após“VAL.”. O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao seufarmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas ajudarão aproteger o ambiente.6. Conteúdo da embalagem e outras informaçõesQual a composição de Fasigyn- A substância ativa é o tinidazol. Cada comprimido revestido por película contém 500 mg detinidazol.

- Os outros componentes são: celulose microcristalina, ácido algínico, amido de milho,estearato de magnésio, laurilsulfato de sódio, hipromelose 2910, propilenoglicol (E1520) edióxido de titânio (E171).Qual o aspeto de Fasigyn e conteúdo da embalagemCada embalagem contém 4 comprimidos revestidos por película em Blisters em PVC/PVDC-
AluTitular da Autorização de Introdução no Mercado e FabricanteTitular da Autorização de Introdução no MercadoLaboratórios Pfizer, Lda.Lagoas ParkEdifício 102740-271 Porto SalvoPortugalFabricante

Pfizer

PGM

29, Route des Industries - Zone Industrielle

37530 Pocé-sur-CisseFrança

Este folheto foi revisto pela última vez em



DEFINIÇÕES MÉDICAS
  1. Bactéria: Organismo unicelular, capaz de auto-reproduzir-se. Existem diferentes tipos de bactérias, classificadas segundo suas características de crescimento (aeróbicas ou anaeróbicas, etc.), sua capacidade de absorver corantes especiais (Gram positivas, Gram negativas), segundo sua forma (bacilos, cocos, espiroquetas, etc.). Algumas produzem infecções no ser humano, que podem ser bastante graves.
  2. Dermatite: Inflamação das camadas superficiais da pele, que pode apresentar-se de formas variadas (dermatite seborreica, dermatite de contato...) e é produzida pela agressão direta de microorganismos, substância tóxica ou por uma resposta imunológica inadequada (alergias, doenças auto-imunes).
  3. Candidíase: ?? o nome da infecção produzida pela Candida albicans, um fungo que produz doença em mucosas, na pele ou em órgãos profundos (candidíase sistêmica).As infecções profundas podem ser mais freqüentes em pessoas com deficiência no sistema imunológico (pacientes com câncer, SIDA, etc.).
  4. Edema: Acúmulo anormal de líquido nos espaços intercelulares dos tecidos ou em diferentes cavidades corporais (peritôneo, pleura, articulações, etc.).
  5. Febre: Elevação da temperatura corporal acima de um valor normal, estabelecido entre 36,7ºC e 37ºC, quando medida na boca.
  6. Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
  7. Tala: Instrumento ortopédico utilizado freqüentemente para imobilizar uma articulação ou osso fraturado. Pode ser de gesso ou material plástico.
  8. Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.

Síguenos

X