Hebe

Para que serve Hebe

Recomendações
Recorde-se que antes de tomar este medicamento deverá consultar o seu médico, a informação que lhe disponibilizamos é meramente orientativa e não substitui em nenhuma ocasião a consulta de um médico ou qualquer profissional de saúde.

LEMBRE-SE, NUNCA use esta informação para automedicar-se. A consulta de um médico é imprescindível.


APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED Folheto informativo: Informação para o utilizador

Hebe 5 mg/ml colírio, solução
Cetorolac, trometamina

Leia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento pois
contém informação importante para si.
-Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.
-Caso ainda tenha dúvidas, fale com o seu médico ou farmacêutico.
-Este medicamento foi receitado apenas para si. Não deve dá-lo a outros. O medicamento
pode ser-lhes prejudicial mesmo que apresentem os mesmos sinais de doença.
-Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não
indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Ver secção 4.

O que contém este folheto:
1. O que é Hebe e para que é utilizado
2. O que precisa de saber antes de utilizar Hebe
3. Como utilizar Hebe
4. Efeitos secundários possíveis
5. Como conservar Hebe
6. Conteúdo da embalagem e outras informações

O que é Hebe e para que é utilizado

Hebe é um medicamento para aplicação no olho.

Hebe é utilizado nas seguintes situações:
-após cirurgia ou lesão no olho, para tratar a inflamação e controlar a dor;
-antes de cirurgia ao olho, para impedir que a pupila se contraia e para prevenir que
ocorra a inflamação e o inchaço do olho (edema macular cistoide) após cirurgia da
catarata;
-para tratar os sintomas da conjuntivite alérgica, nomeadamente da conjuntivite alérgica
sazonal.

O que precisa de saber antes de utilizar Hebe

Não utilize Hebe
-se tem alergia (hipersensibilidade) ao cetorolac, trometamina ou a qualquer outro
componente deste medicamento (indicados na secção 6);
-se tem alergia (hipersensibilidade) ao ácido acetilsalicílico e outros medicamentos anti-
inflamatórios não esteroides como por exemplo o ibuprofeno.

Advertências e precauções
Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar Hebe:
-se tem tendência a sangrar com facilidade.
APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED Se usa lentes de contacto deverá utilizar óculos durante o tratamento com Hebe.

Tal como outros anti-inflamatórios não esteroides, a utilização de cetorolac trometamina
pode atrasar a cicatrização de feridas da córnea, pelo que o seu uso deve ser bem
ponderado pelo médico se tem predisposição para lesões epiteliais persistentes,
desenervação da córnea, diabetes mellitus e olho seco grave.
O uso prolongado de anti-inflamatórios não esteroides pode levar à diminuição da
espessura da córnea, erosão da córnea, ulceração da córnea ou perfuração da córnea.

A utilização concomitante de cetorolac e de corticosteroides tópicos deve ser
cuidadosamente monitorizada pelo médico em doentes suscetíveis de sofrer rotura do
epitélio da córnea, pelo potencial aumento de atraso na cicatrização.

Outros medicamentos e Hebe
Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, ou tiver tomado recentemente,
ou se vier a tomar outros medicamentos.

Embora cetorolac seja bem tolerado quando associado a medicamentos oftálmicos e
sistémicos tais com antibióticos, sedativos, hialuronidase e/ou anestésicos locais, beta-
bloqueantes, inibidores da anidrase carbónica, mióticos, midriáticos, cicloplégicos, fale
com o seu médico se estiver a utilizar os seguintes medicamentos:
- outro medicamento para os olhos;
- medicamentos que tornam o sangue mais fluido como por exemplo a varfarina.

O uso simultâneo de anti-inflamatórios não esteroides e corticosteroides tópicos pode
aumentar a possibilidade de ocorrência de problemas de cicatrização (ver Advertências e
precauções).

Gravidez e amamentação
Se está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte o
seu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.

Gravidez
Não foi estabelecida a segurança do seu uso na mulher grávida.
Até à data não existem estudos controlados adequados acerca da utilização de cetorolac
trometamina em mulheres grávidas, pelo que o seu uso nessas situações só deve ser
considerado se os benefícios ultrapassarem os riscos. Pelos riscos conhecidos dos anti-
inflamatórios não esteroides no 3º trimestre da gravidez, cetorolac trometamina não deve
ser usado nessa fase da gravidez.

Amamentação
Hebe não é recomendado a mulheres a amamentar.

Condução de veículos e utilização de máquinas
Não deve conduzir ou utilizar máquinas se tiver alterações da visão, tais como visão
enevoada. APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED
Hebe contém cloreto de benzalcónio
Pode causar irritação ocular. Evitar o contacto com lentes de contacto moles. Remover as
lentes de contacto antes da aplicação e esperar pelo menos 15 minutos antes de as
recolocar. Passível de descolorar lentes de contacto moles.

Como utilizar Hebe

Utilize este medicamento exatamente como indicado pelo seu médico. Fale com o seu
médico ou farmacêutico se tiver dúvidas.

A dose recomendada é:
-antes de cirurgia ao olho: 1 gota de meia em meia hora nas duas horas antes da cirurgia
(num total de 4 gotas);
-após cirurgia ao olho: 1-2 gotas a cada 6-8 horas durante um período de 3-4 semanas
(período de tempo aconselhado para o uso de Hebe). A administração apenas deve ser
iniciada 24 horas após a cirurgia;
-outras indicações: 1 gota, 4 vezes por dia, durante 7 dias. O seu médico poderá prolongar
o seu tratamento para além dos 7 dias.

Se estiver a utilizar Hebe em simultâneo com outro medicamento tópico oftálmico, estes
deverão ser administrados com, pelo menos, 5 minutos de intervalo entre si.

Utilização em crianças
A dose recomendada é idêntica à dos adultos.
Crianças com idade inferior a 3 anos não deverão utilizar Hebe.

Em doentes idosos, insuficientes renais e hepáticos não é necessário um ajuste da dose
habitual.

Como utilizar Hebe:

1. Lave as mãos e sente-se ou coloque-se numa posição confortável. 2. Rode e retire a tampa do frasco exercendo uma ligeira pressão sobre este. 3. Com o dedo puxe cuidadosamente para baixo a pálpebra inferior do olho
afetado. 4. Coloque a extremidade do conta-gotas próxima do seu olho, mas de modo
a não lhe tocar. APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED 5. Pressione o frasco suavemente de forma a que apenas uma gota entre no
seu olho, depois liberte a pálpebra inferior. 6. Com um dedo pressione o canto do olho afetado, junto ao nariz. Pressione
durante 2 a 3 minutos, enquanto mantém o olho fechado para evitar o risco
de absorção do medicamento pela mucosa do nariz. 7. Repita esta operação no outro olho, se o seu médico lhe tiver dito para o
fazer. 8. Coloque de novo a tampa no frasco. Não ultrapasse a dose recomendada
pelo seu médico.
Se utilizar mais Hebe do que deveria
Não estão descritos casos de sobredosagem com o uso ocular deste medicamento. No
entanto, se alguém ingerir acidentalmente qualquer quantidade de Hebe, contacte
imediatamente o seu médico ou dirija-se ao serviço de urgências do hospital mais
próximo. Leve consigo o frasco do medicamento.

Caso se tenha esquecido de utilizar Hebe
Não aplique uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de aplicar. Se
se esqueceu de aplicar uma dose de Hebe, aplique-a assim que se lembrar. Se, no entanto,
estiver quase na hora da próxima aplicação não aplique a dose em falta e siga o horário
recomendado pelo médico.

Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médico
ou farmacêutico.

Efeitos secundários possíveis

Como todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários,
embora estes não se manifestem em todas as pessoas.

Os efeitos adversos encontram-se listados segundo a classe de sistemas de orgãos e a sua
frequência. As frequências estão definidas como muito frequentes ( ? 1/10); frequentes ( ?1/100, <1/10); pouco frequentes (?1/1.000, <1/100); raros (?1/10.000, <1/1.000); muito raros (<1/10.000); desconhecido (não pode ser calculado a partir dos dados
disponíveis).

Classes de
sistemas de
orgãos Frequência Efeitos secundários Doenças do
sistema
imunitário Frequentes Reações alérgicas APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED Muito frequentes Irritação ocular (incluindo sensação de
queimadura)
Dor ocular (incluindo picadas) Frequentes Inflamação da córnea (queratite) superficial
Inchaço (edema) do olho e/ou das pálpebras
Comichão nos olhos (prurido ocular)
Fluxo sanguíneo aumentado na zona da
conjuntiva (hiperemia conjuntival)
Infeção ocular
Inflamação ocular Pouco frequentes Úlcera da córnea
Infiltrados na córnea
Visão turva e/ou diminuída
Secura ocular
Inflamação da íris (irite) Afeções oculares Desconhecidos Diminuição da espessura da córnea
Erosão da córnea
Rotura do epitélio
Perfuração da córnea
Uma vez que cetorolac trometamina pode ser sistemicamente absorvido após a
administração por via tópica, os efeitos indesejáveis reportados com a utilização
sistémica, embora raros, podem possivelmente ocorrer, nomeadamente, dores de cabeça
(cefaleias), sintomas gripais, náuseas, vómitos, hemorragias e úlcera péptica.

Comunicação de efeitos secundários
Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários não
indicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderá
comunicar efeitos secundários diretamente através de:

INFARMED, I.P.
Direção de Gestão de Risco de Medicamentos
Parque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 53
1749-004 Lisboa Tel: +351 21 798 71 40
Fax: +351 21 798 73 97
Sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepage E-mail: farmacovigilancia@infarmed.pt

Ao comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre a
segurança deste medicamento.

Como conservar Hebe

Não conservar acima de 25°C.
Manter o frasco conta-gotas bem fechado. APROVADO EM 22-04-2014 INFARMED Manter o frasco conta-gotas dentro da embalagem exterior para proteger da luz e da
humidade.

Após abertura do frasco, utilize Hebe nos 28 dias seguintes.

Manter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.

Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem exterior,
após "VAL.". O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte ao
seu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidas
ajudarão a proteger o ambiente.

Conteúdo da embalagem e outras informações

Qual a composição de Hebe
-A substância ativa é o cetorolac, trometamina.
-Os outros componentes são: cloreto de sódio, edetato dissódico, cloreto de benzalcónio,
água altamente purificada e ácido clorídrico ou hidróxido de sódio para ajuste de pH.

Qual o aspeto de Hebe e conteúdo da embalagem
Hebe apresenta-se sob a forma farmacêutica de colírio, solução, em frasco conta-gotas
estéril, com a capacidade de 10 ml.

Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

- Titular da Autorização de Introdução no Mercado
Gide Farma - Produtos Farmacêuticos, Lda.
Rua Casal do Canas, 6
2790 - 007 Carnaxide
Portugal
Tel: +351 21 415 59 78
Fax: +351 21 415 59 79
E-mail: geral@gidefarma.pt

- Fabricante
Laboratório Edol - Produtos Farmacêuticos S.A.
Av. 25 de Abril, 6
2795-195 Linda–a-Velha
Portugal

Este folheto foi revisto pela última vez em <MM/AAAA>




DEFINIÇÕES MÉDICAS
  1. Edema: Acúmulo anormal de líquido nos espaços intercelulares dos tecidos ou em diferentes cavidades corporais (peritôneo, pleura, articulações, etc.).
  2. Hemorragia: Perda de sangue para um órgão interno (tubo digestivo, cavidade abdominal) ou para o exterior (ferimento arterial). De acordo com o volume e velocidade com a qual se produz o sangramento uma hemorragia pode produzir diferentes manifestações nas pessoas, desde taquicardia, sudorese, palidez cutânea, até o choque.
  3. Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
  4. Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc.

Síguenos

X