Ibuprofeno Phagecon

Para que serve Ibuprofeno Phagecon

Recomendações
Recorde-se que antes de tomar este medicamento deverá consultar o seu médico, a informação que lhe disponibilizamos é meramente orientativa e não substitui em nenhuma ocasião a consulta de um médico ou qualquer profissional de saúde.

LEMBRE-SE, NUNCA use esta informação para automedicar-se. A consulta de um médico é imprescindível.


Folheto informativo: Informação para o utilizadorIbuprofeno Phagecon 50 mg/g GelIbuprofenoLeia com atenção todo este folheto antes de começar a utilizar este medicamento poiscontém informação importante para si.Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo comas indicações do seu médico ou farmacêutico.Conserve este folheto. Pode ter necessidade de o ler novamente.Caso precise de esclarecimentos ou conselhos, consulte o seu farmacêutico.Se tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários nãoindicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Ver secção 4.Se não se sentir melhor ou se piorar após 7 dias, tem de consultar um médico.O que contém este folheto:1.O que é Ibuprofeno Phagecon e para que é utilizado2.O que precisa de saber antes de utilizar Ibuprofeno Phagecon3.Como utilizar Ibuprofeno Phagecon4.Efeitos secundários possíveis5.Como conservar Ibuprofeno Phagecon6.Conteúdo da embalagem e outras informações1.O que é Ibuprofeno Phagecon e para que é utilizadoO ibuprofeno (a substância ativa de Ibuprofeno Phagecon) pertence a uma classeconhecida como anti-inflamatórios não esteroides e fármacos antirreumáticos. Suprime ador, reduz o inchaço e alivia a inflamação de situações pós-traumáticas dolorosas,inflamatórias e degenerativas, do aparelho musculosquelético e a inflamação dolorosa dasveias.Ibuprofeno Phagecon destina-se ao:tratamento local de lesões dolorosas de tendões, músculos e articulações com ou seminchaço, tais como entorses, tensão, contusões.alivio da dor nas costas.Após a consulta com um médico Ibuprofeno Phagecon também é utilizado para tratar:inflamação dolorosa das articulações, dos tendões e dos músculos de origem reumática(por exemplo, no caso de cotovelo de tenista).dores com doença da articulação degenerativa (artrose)inflamação dolorosa das veias superficiais.Ibuprofeno Phagecon destina-se a adultos e adolescentes com mais de 12 anos de idade.Devido à falta de dados de segurança, a administração do medicamento a crianças não érecomendada.No caso de dores graves, aconselha-se que o tratamento seja complementado com aadministração de comprimidos à base de ibuprofeno (por exemplo Ibuprofeno Phageconcomprimidos).

Se não se sentir melhor ou se piorar após 7 dias, tem de consultar um médico.2.O que precisa de saber antes de utilizar Ibuprofeno PhageconNão utilize Ibuprofeno Phagecon:-se tem alergia (hipersensibilidade) ao ibuprofeno ou a qualquer outro componente destemedicamento (indicados na secção 6).-se teve um episódio asmático, urticária ou rinite alérgica após a utilização de ácidoacetilsalicílico ou outros anti-inflamatórios não esteroides.-em feridas abertas, membranas mucosas e nos olhos.Advertências e precauções

Fale com o seu médico ou farmacêutico antes de utilizar Ibuprofeno Phagecon.Uso externo. Aplicar apenas na pele intacta.Evitar o contacto com os olhos.Não deve ser utilizado com pensos oclusivos.Não aplicar simultaneamente na mesma zona que outras preparações tópicas.Não utilizar em crianças com idade inferior a 12 anos.Não utilizar de forma prolongada nem em áreas extensas.A duração do tratamento depende da indicação terapêutica e da resposta ao tratamentodemonstrada pelo doente. Se não for aconselhado pelo médico, o gel não deve serutilizado por mais de duas semanas no caso de lesões dos tecidos moles ou reumatismodos tecidos moles ou por mais de 3 semanas no tratamento da dor da artrite. Se utilizadosem recomendação de um médico, caso as dores persistam mais de 7 dias ou caso seproduza irritação ou agravamento, deverá avaliar-se a situação clínica do doente.Por conter etanol, as aplicações frequentes podem produzir irritação e secura da pele.O tratamento com AINEs orais, incluindo ibuprofeno, pode por vezes estar associadocom lesões da função renal, exacerbação de úlcera péptica e pode induzir-se uma reaçãobrônquica alérgica em indivíduos suscetíveis. Na medida em que existe a possibilidade deabsorção cutânea de lbuprofeno Phagecon, não é possível excluir a ocorrência de efeitossistémicos. O risco de ocorrência destes efeitos depende, entre outros fatores, dasuperfície exposta, quantidade aplicada e tempo de exposição.Têm sido muito raramente notificadas reações cutâneas graves, algumas das quais fatais,incluindo dermatite esfoliativa, síndroma de Stevens-Johnson e necrólise epidérmicatóxica, associada à administração de AINE (ver secção 4.8). Aparentemente o risco deocorrência destas reações é maior no início do tratamento, sendo que na maioria doscasos estas reações se manifestam durante o primeiro mês de tratamento.O Ibuprofeno Phagecon deve ser interrompido aos primeiros sinais de rash, lesõesmucosas, ou outras manifestações de hipersensibilidade.Outros medicamentos e Ibuprofeno Phagecon

Informe o seu médico ou farmacêutico se estiver a tomar, ou tiver tomado recentemente,ou se vier a tomar outros medicamentos.Não foram descritas interações medicamentosas para o uso cutâneo, mas deve seravaliada a possibilidade de utilizar outros analgésicos tópicos durante o tratamento comeste medicamento.

Os efeitos dos grupos de medicamentos e preparações seguintes podem ser influenciadospelo tratamento concomitante com o Ibuprofeno Phagecon:Os anti-inflamatórios não esteroides (AINE) podem diminuir a eficácia dos diuréticosassim como de outros medicamentos antihipertensores. Nalguns doentes com funçãorenal diminuída (ex.: doentes desidratados ou idosos com comprometimento da funçãorenal) a coadministração de um IECA ou AAII e agentes inibidores da cicloxigenasepode ter como consequência a progressão da função renal, incluindo a possibilidade renalaguda, que é normalmente reversível. A ocorrência destas interações deverá ser tida emconsideração em doentes a fazer a aplicação de ibuprofeno, sobretudo se for em zonasextensas da pele e por tempo prolongado, em associação com IECA ou AAII.Consequentemente, esta associação medicamentosa deverá ser utilizada com precaução,sobretudo em doentes idosos. Os doentes devem ser adequadamente hidratados e deveráser analisada a necessidade de monitorizar a função renal após o início da terapêuticaconcomitante, e periodicamente desde então.Quando lhe receitarem qualquer medicamento informe o seu médico que está a utilizarIbuprofeno Phagecon.Ibuprofeno Phagecon com alimentos e bebidasOs alimentos não afetam a eficácia.Gravidez e amamentaçãoSe está grávida ou a amamentar, se pensa estar grávida ou planeia engravidar, consulte oseu médico ou farmacêutico antes de tomar este medicamento.O medicamento não deve ser utilizado no terceiro trimestre de gravidez.No primeiro e segundo trimestres de gravidez e durante a amamentação, o produto podeser utilizado apenas se expressamente aconselhado pelo médico durante um curto períodode tempo quando aplicado em pequenas áreas.Condução de veículos e utilização de máquinasA atenção não é afetada.Ibuprofeno Phagecon contém propilenoglicolPropilenoglicol pode causar irritação cutânea.3.Como utilizar Ibuprofeno Phagecon

Utilize este medicamento exatamente como está descrito neste folheto, ou de acordo comas indicações do seu médico ou farmacêutico. Fale com o seu médico ou farmacêutico setiver dúvidas.

Se não for aconselhado de outro modo pelo médico, os adultos e adolescentes com maisde 12 anos de idade devem aplicar uma tira de gel com 4 – 10 cm de comprimento, naárea afetada, 3 – 4 vezes por dia em intervalos de 3 – 4 horas e esfregando o gelgentilmente na pele. No caso de um hematoma grande e doloroso, o local tratado com geldeve ser tapado com uma ligadura oclusiva.Depois de aplicar o gel, lave as suas mãos, se as áreas tratadas não forem as mãos.Se a situação não melhorar 7 dias após as lesões ou, se pelo contrário, se agravar ou severificarem quaisquer das reações adversas do fármaco, interrompa o tratamento econsulte um médico. Não utilize o medicamento por mais de 2 semanas sem consultar omédico.Nas doenças reumáticas e venosas, consulte o seu médico acerca da duração dotratamento com Ibuprofeno Phagecon.Se o seu médico não o aconselhar doutro modo, nestas indicações Ibuprofeno Phagecon éutilizado no máximo durante 2 – 3 semanas.Se utilizar mais Ibuprofeno Phagecon do que deveriaSe alguém aplicar uma quantidade elevada de gel na área afetada de uma vez, tal não émotivo para preocupações graves. Não foi observada sobredosagem.No caso de ingestão acidental de grandes quantidades por uma criança, podem ocorrernáuseas e vómitos. É apropriado encorajar ou induzir os vómitos.Caso se tenha esquecido de utilizar Ibuprofeno PhageconNão utilize uma dose a dobrar para compensar uma dose que se esqueceu de utilizar.Se se esqueceu de utilizar o medicamento, aplique-o na área afetada assim que se lembre.Caso ainda tenha dúvidas sobre a utilização deste medicamento, fale com o seu médicoou farmacêutico.4.Efeitos secundários possíveisComo todos os medicamentos, este medicamento pode causar efeitos secundários,embora estes não se manifestem em todas as pessoas.Quando está a utilizar Ibuprofeno Phagecon podem ocorrer os seguintes efeitossecundários, cuja frequência é desconhecida (não pode ser calculado a partir dos dadosdisponíveis):Em doentes sensíveis, foram notificados sintomas de irritação local, que se manifestaramcomo, por exemplo, ardor ou comichão, vermelhidão da pele, por vezes até compequenas borbulhas.Muito raramente, em indivíduos suscetíveis, pode desenvolver-se outra reação alérgicasob a forma de dificuldades em respirar.

Comunicação de efeitos secundáriosSe tiver quaisquer efeitos secundários, incluindo possíveis efeitos secundários nãoindicados neste folheto, fale com o seu médico ou farmacêutico. Também poderácomunicar efeitos secundários diretamente no INFARMED, I.P. através dos contactosabaixo.

INFARMED, I.P.Direção de Gestão do Risco de MedicamentosParque da Saúde de Lisboa, Av. Brasil 531749-004 LisboaTel: +351 21 798 71 40Fax: + 351 21 798 73 97Sítio da internet: http://extranet.infarmed.pt/page.seram.frontoffice.seramhomepageE-mail: [email protected] comunicar efeitos secundários, estará a ajudar a fornecer mais informações sobre asegurança deste medicamento.5.Como conservar Ibuprofeno PhageconManter este medicamento fora da vista e do alcance das crianças.Não utilize este medicamento após o prazo de validade impresso na embalagem exterior.O prazo de validade corresponde ao último dia do mês indicado.Conservar a temperatura inferior a 30º C.

Não deite fora quaisquer medicamentos na canalização ou no lixo doméstico. Pergunte aoseu farmacêutico como deitar fora os medicamentos que já não utiliza. Estas medidasajudarão a proteger o ambiente.6.Conteúdo da embalagem e outras informaçõesQual a composição de Ibuprofeno PhageconA substância ativa é o ibuprofeno. Cada grama de gel contém 50 mg de ibuprofeno.Os outros componentes são hidroxietilcelulose, propilenoglicol, álcool isopropílico,etanol a 96 por cento, trolamina e água purificada.Qual o aspeto de Ibuprofeno Phagecon e conteúdo da embalagemGel límpido a ligeiramente opalescente, incolor a ligeiramente amarelado.Bisnaga com 50 g ou 100 g de gel.Titular da Autorização de Introdução no Mercado e Fabricante

Titular da Autorização de Introdução no MercadoPhagecon – Serviços e Consultoria Farmacêutica, Lda.Rua Capitão Luís Gonzaga, 74, Sto. António dos Olivais3000-095 CoimbraFabricanteZentiva k.s.U kabelovny 130, Dolní M?cholupy,

102 37 Praha 10República ChecaEste folheto foi revisto pela última vez em {MM/AAAA}.



DEFINIÇÕES MÉDICAS
  1. Dermatite: Inflamação das camadas superficiais da pele, que pode apresentar-se de formas variadas (dermatite seborreica, dermatite de contato...) e é produzida pela agressão direta de microorganismos, substância tóxica ou por uma resposta imunológica inadequada (alergias, doenças auto-imunes).
  2. Náuseas: Vontade de vomitar. Forma parte do mecanismo complexo do vômito e pode ser acompanhada de sudorese, sialorréia (salivação excessiva), vertigem, etc.
  3. Tópico: Referente a uma área delimitada. De ação limitada à mesma. Diz-se dos medicamentos de uso local, como pomadas, loções, pós, soluções, etc.
  4. Rash: Coloração avermelhada da pele como conseqüência de uma reação alérgica ou infecção.
  5. Rinite: Inflamação da mucosa nasal, produzida por uma infecção viral ou reação alérgica. Manifesta-se por secreção aquosa e obstrução das fossas nasais.
  6. Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
  7. Reumatismo: Termo que é utilizado em geral para se referir ao conjunto de doenças inflamatórias e degenerativas que afetam as articulações e estruturas vizinhas.
  8. Urticária: Reação alérgica manifestada na pele como elevações pruriginosas, acompanhadas de vermelhidão da mesma. Pode afetar uma parte ou a totalidade da pele. Em geral é autolimitada e cede em pouco tempo, podendo apresentar períodos de melhora e piora ao longo de vários dias.

Síguenos

X