LOBELIA INFLATA

Para que serve esta planta medicinai

Informação sobre LOBELIA INFLATA



LOBELIA INFLATA


Lobelia inflata (L.) - CAMPANULACEAE

SINONÍMIA HOMEOPÁTICA

Lobelia, Rapuntium inflatum, Rapuntium inflatus.

DESCRIÇÃO DA PLANTA

Lobelia inflata, L é planta herbácea anual ou bianual com raiz de cor branca amarelada, delgada,
fibrosa. Talo com 20 a 60 cm de altura, redondo, erecto, estriado, repleto de folhas,
paniculadamente ramificado na parte superior e hirsuto na parte baixa, relativamente anguloso.
Folhas alternas dispostas de forma irregular sendo as mais baixas pecioladas, as demais, sésseis,
venosas, ovaladas ou oblongas com brácteas foleáceas ou subuladas na parte superior, agudas e
irregularmente dentadas, delgadas, pubescentes e de cor verde clara. As flores são de tom azul-
claro, pequenas, irregulares em racimos terminais foliosos semelhantes a uma espiga, frondosos,
despreendidos cada um na axila de pequena folha. A planta secreta látex leitoso, acre e tóxico. Os
frutos têm 5 a 8 mm de comprimento, são estriados, de cor castanha clara, biloculares contendo
numerosas sementes reticuladas, ovais, oblongas e castanhas, de 05 a 07 mm de comprimento, tem
odor fraco e sabor acentuadamente acre, lembrando a tabaco.

PARTE EMPREGADA

Planta inteira seca.

DESCRIÇÃO DA DROGA

A droga apresenta os caracteres constantes na descrição da planta.

PREPARAÇÃO DA TINTURA-MÃE

A tintura-mãe de Lobelia inflata é preparada por maceração ou percolação, de forma que o teor
alcoólico durante e ao final da extração seja de 65% (V/V), segundo a técnica geral de preparação de
tintura-mãe (X.1) Farm. Hom. Bras.

CARACTERÍSTICAS DA TINTURA-MÃE

Líquido amarelado ou verde escuro, sem odor particular.

IDENTIFICAÇÃO

A. A 5 ml da tintura-mãe adicionar 0,2 ml de solução etanólica de hidróxido de potássio a 10%
(p/V) e destilar até obtenção de aproximadamente 2 ml de destilado. Adicionar 0,1 g de
dinitrobenzeno e 0,2 ml de solução de hidróxido de potássio 10% (p/V) ao produto, aquecer à
fervura por 1 minuto. Observa-se o desenvolvimento de coloração vermelha.

B. A 1 ml de tintura-mãe adicionar 1 ml de solução de hidróxido de sódio 10% (p/V) e 0,5 ml de
mistura de 0,1 g de ácido sulfanílico, 0,1 g de nitrito de sódio, 1 ml de água purificada e 1 ml de
ácido clorídrico 10% (V/V). Observa-se desenvolvimento de coloração vermelha.

ENSAIOS

Título em etanol.
Deve estar compreendido entre 60% e 70% (V/V).

Resíduo seco.
Deve ser igual ou maior que 1,3%(p/V).

Cromatografia em camada delgada
(V.2.17.1) F. Bras. IV. Desenvolver cromatografia
empregando camada delgada de sílica-gel G.
Solução Amostra: evaporar 5 ml de tintura-mãe em banho-maria até que o odor de etanol
desapareça, adicionar 1 ml de hidróxido de amônio e extrair 2 vezes, cada vez com 10 ml de éter
etílico. Evaporar e reunir as fases etéreas em banho-maria; dissolver o resíduo em 0,5 ml de
metanol. Aplicar 20 ?l da Solução amostra.
Desenvolver a cromatografia num percurso de 10 cm empregando como fase móvel mistura de
tolueno-acetato de etila-dietilamina (7:2:1). Deixar a placa secar ao ar. Nebulizar o cromatograma
com reagente iodo platinado. Observar imediatamente à luz natural. O cromatograma da solução
amostra apresenta mancha castanha clara com Rf próximo a 0,65 (lobelina).

CONSERVAÇÃO

Em frasco de vidro neutro, âmbar, bem fechado, ao abrigo da luz e do calor.

FORMA DERIVADA

Ponto de partida.
Tintura-mãe.

Insumo inerte.
A partir de 1CH ate 3CH ou 1DH até 6DH utilizar o mesmo teor alcoólico da
tintura mãe. Para as demais dinamizações, seguir a regra geral de preparação de formas
farmacêuticas derivadas.

Método
. Hahnemanniano (XI.I), Korsakoviano (XI.II), Fluxo Contínuo (XI.III); Farm.Hom.Bras.
II, 1997.

Dispensação
. A partir de 1 CH ou 2 DH, seguindo regra geral de dispensação.

Conservação.
Em frasco de vidro neutro, âmbar, bem fechado, ao abrigo da luz e do calor.


REAGENTES E SOLUÇÕES REAGENTES

Reagente iodoplatínico
Dissolver 0,3 g de hidrato de hidrogênio hexacloroplatinato em 100 ml de água purificada e
misturar, em seguida, com solução aquosa de iodeto de potássio a 6 % (p/V).

Document Outline REAGENTES E SOLU



Síguenos

X